563
news

MagIC - Petrology and Geochemistry of Igneous Rocks from Macao: Implications for the Crustal Evolution of Southern China

02/27/2015

27

Feb

項目: 澳門火成岩之岩石学與地球化学—對華南地殼演化的影響), reference no. 043/2014/A1, financed by Science and Technology Development Fund from Macau (FDCT – Fundo para o Desenvolvimento das Ciências e da Tecnologia)



Projects from ISE: http://www.sel.usj.edu.mo/projects/ ‎

MagIC page: http://www.sel.usj.edu.mo/magic/ ‎

English:

MagIC – Is the new research project to study the petrology and geochemistry of igneous rocks from Macao.

 

The Institute of Science and Environment of the University of Saint Joseph (USJ) is developing a new research project funded by the Macao Science and Technology Development Fund (FDCT).

Contrarily to the majority of the territories around the world, Macau does not have a detailed geological Map. The most important work was conducted by Serviços Geológicos de Portugal (SGP) in 1992 but the information is not easily accessible, it is outdated and only written in Portuguese. One of the objectives of this new project is to produce and publish an updated digital version of the geologic map of Macao in the two official languages of the territory (Chinese and Portuguese) and in English. A web interface will make all the information generated by this study available to professionals from applied areas such as engineering, land management and environment and also to the general public.

 

The project aims also to contribute towards a better understanding of the geology of Macao and its geodynamic evolution. The rocks of Macao will be studied using petrological and geochemical techniques, to identify the sources and processes of magma genesis, and advanced geochronological methods will be applied to estimate the age of the different rocks forming the territory. These data will contribute to the understanding of the geo-chronological evolution of Macao in the broader context of South China tectono-magmatic evolution.

 

Throughout the project, science education actions will be undertaken in collaboration with schools and museums to explain, in simple terms, the geological origin and characteristics of Macao to the general public, particularly to the young population.

 

The project is being coordinated by Professor Ágata Alveirinho Dias from the Institute of Science and Environment (ISE) of the USJ, in collaboration with researchers from the Faculty of Science of the University of Lisbon (FCUL) and the Guangzhou Institute of Geochemistry, Chinese Academy of Sciences (GIGCAS).

 

More information can be found here.

Outcrop of igneous rocks (granite) in Coloane, MacauGranite sample from the USJ campus of “Ilha Verde”, Macao
 1 2
Afloramento de rocha ígnea (granito) em Coloane, Macau.Amostra de grantito do Campus da USJ na Ilha verde, Macao

 

Português:

MagIC – é um novo projeto de investigação para estudar a petrologia e geoquímica das rochas ígneas de Macau.

 

O Instituto de Ciência e Ambiente (ISE) da Universidade de São José (USJ) iniciou, no início deste ano, um novo projeto de investigação financiado pelo Fundo para o Desenvolvimento das Ciências e Tecnologia de Macau (FDCT).

Contrariamente ao que acontece na maioria dos territórios de todo o mundo, Macau não tem uma Carta Geológica pormenorizada e acessível. O trabalho de cartografia geológica mais relevante realizado no território foi publicado pelos Serviços Geológicos de Portugal (SGP) em 1992 mas, o mesmo, para além de se encontrar desatualizado e pouco detalhado, está disponível exclusivamente em Português. Um dos objetivo principais deste projeto é o de atualizar a carta geológica de Macau e publicá-la em versão digital, facultando toda a informação nas duas línguas oficiais da RAEM (Chinês e Português) e em Inglês. Esta interface web permitirá que toda a informação seja divulgada quer a profissionais de áreas mais aplicadas, como engenharia, ordenamento do território e ambiente, quer à comunidade em geral.

 

O projeto pretende ainda contribuir para um conhecimento mais aprofundado da geologia do território e da sua evolução geodinâmica. As rochas magmáticas de Macau serão alvo de uma caracterização petrológica e estrutural, usando técnicas petrológicas e de geoquímica elementar e isotópica, a fim de obter uma compreensão aprofundada da origem e evolução dos magmas que deram origem às rochas do território. Posteriormente, as amostras serão datadas (através de técnicas geocronológicas) com o intuito de conhecer a cronologia dos vários eventos magmáticos que compõem esta zona geográfica,  fornecendo uma base para comparações regionais que, em última análise, permitirão ter uma compreensão mais precisa da evolução tectónico-magmática do Sul da China.

 

Ao longo de todo o projecto pretende-se, igualmente, desenvolver acções de divulgação científica junto de instituições de educação de Macau e do público em geral com o propósito de explicar de forma simplificada, a origem e evolução geológica de Macau.

 

O projecto é coordenado pela Professora Dr. Ágata Alveirinho Dias, do Instituto de Ciência e Ambiente (ISE) da USJ, em colaboração com investigadores da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa (FCUL) e do Instituto de Geoquímica de Guangzhou, da Academia de Ciências Chinesa (GIGCAS).

 

Mais informações podem ser encontradas here.